• Clínica Vive La Vie

QUAL A DIFERENÇA ENTRE PROBIÓTICO, PREBIÓTICO, E SIMBIÓTICO?

Atualizado: Jul 14


Tanto se fala em Probióticos, Prebióticos e até mesmo Simbióticos para potencializar a saúde. Mas, afinal, do que se trata tudo isso?


Bom, para começar essa história, é preciso entender como funciona a Microbiota Intestinal, um conjunto de microrganismos (não só bactérias) que fazem parte do trato gastrointestinal (TGI) protegendo-o contra colonização por agentes agressores, além de ajudar na digestão de alguns alimentos, como alguns polissacarídeos que não digerimos, por exemplo e produzir vitaminas.


Para isso, aloja bactérias benéficas e maléficas, além daquelas que chamamos de “indecisas”, ora operando a favor, ora não, ou seja: são influenciáveis pela condi­ção mais propícia, como se estivessem ali para jogar sempre no time de quem está ganhando.


Probióticos


▪ Microrganismos vivos que melhoram a função e a integridade do revestimento do intestino.


▪ São indicados como coadjuvantes no tratamento de: disbiose, desarranjos intestinais, inflamação, colite, gastrite entre outras doenças.


▪ Gêneros mais utilizados: lactobacillus, bifidobac­terium, enterococcus e streptococcus

▪ Encontrados em: iogurtes, produtos lácteos fermentados e suplementos alimentares manipulados


Prebióticos


▪ Fibras resistentes à acidez do estômago, à quebra por enzimas e à absorção gastrointestinal, ou seja, não digeríveis.


▪ Chegam intactos ao cólon onde são fermentados pela microbiota para sua própria nutrição e crescimento.


▪ Modulam inflamações, promovem cica­trização, motilidade intestinal e melhoram o ph intestinal e disponibilidade e absorção de minerais, como: cálcio, magnésio e ferro.


▪ Proporcionam saciedade, perda de peso corporal e previnem a obesidade.


Simbióticos


▪ Alimentos compostos pela combinação de microrganismos probióticos + ingredientes prebióticos simultaneamente.


▪ Atuam na microbiota intestinal em benefício da saúde, com eficácia em:


▪ Doenças inflamatórias intestinais, incluindo a síndrome do intestino irritável, efeitos secundários da obesidade, reações alérgicas, disbiose, diabetes e pré-diabetes, entre outros.


▪ Encontrados em: iogurtes, bebidas lácteas fermentadas, suplementos alimentares, fármacos, sucos de frutas e legumes fermentados.



⚜ Conte com o corpo clínico da Vive La Vie!

📞 (11) 3539-2988 | 📲 Whats (11) 98390-5442